Com nova onda de trabalhadores estrangeiros, criação de ministério da imigração é prevista

Em abril de 2019 o Departamento de Imigração se tornará uma agência sob o Ministério da Justiça, visto que o país busca trazer mais estrangeiros para suprir mão de obra

trabalhadores estrangeiros5
Com o governo determinado a criar uma nova agência da imigração em abril de 2019, algumas autoridades em Tóquio já estão imaginando um dia em que ela poderá ser atualizada para um ministério.

Visto que o país busca trazer mais trabalhadores estrangeiros para lidar com a grave escassez de mão de obra, o Departamento de Imigração se tornará uma agência no ano que vem sob o Ministério da Justiça, após a aprovação de uma lei que ocorreu em 15 de dezembro pela Dieta.

A agência oferecerá orientações às empresas que aceitam trabalhadores estrangeiros sob as categorias de vistos recém-criadas e realizará inspeções nos locais. O Ministério da Justiça solicitou um orçamento para contratar mais 585 trabalhadores a fim de preencher postos como oficiais da imigração, guardas de segurança e outros funcionários no próximo ano fiscal.

A proposta para uma futura atualização ao processo envolveria designar mais pessoas e autoridade para um possível ministério da imigração e torná-lo independente do Ministério da Justiça. Uma outra sugestão envolve juntar departamentos relacionados a residentes estrangeiros entre todos os ministérios e agências e formar um único ministério.

Um alto funcionário da Justiça disse recentemente que um ministério responsável por residentes estrangeiros poderia ser possível no futuro.

No momento há uma preocupação sobre falta de pessoal na nova agência da imigração. O governo espera que cerca de 340.000 pessoas obtenham um novo visto para trabalhadores menos qualificados nos primeiros cinco anos. No entanto, se a escassez de mão de obra do país piorar, o governo pode buscar aumentar o número de trabalhadores estrangeiros que ele trazer sob o novo plano.

Há fortes pedidos para um maior envolvimento do governo a fim de evitar que intermediários duvidosos tragam trabalhadores ao país. Nesse contexto, um alto funcionário do governo disse que poderia permitir que a agência da imigração se transforme em uma entidade independente no futuro.

A expansão da agência, provavelmente, continuará sendo uma questão para o governo, mas não está claro se a ideia de combinar vários departamentos relacionados a residentes estrangeiros sob um único ministério se tornará realidade, visto que isso poderia enfrentar resistência de ministérios e agências que perderiam autoridade e recursos humanos.
Fonte: Portal Mie com Japan Times

Anúncios

Sobre Emprego no Japão

Disponibilizamos vagas de emprego no Japão.
Esse post foi publicado em Empresas japonesas, governo japonês, Japão, trabalhadores estrangeiros no Japão e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s