Colégio técnico da Toyota abre inscrições para curso de mecânica voltado para brasileiros

Atualmente 20 alunos brasileiros frequentam o curso que têm duração de um ano

Estão abertas até o final do mês de maio as inscrições para o curso de mecânica automobilística do Colégio Técnico da Toyota, em Aichi, Nagoya. Candidatos de até 26 anos de idade podem participar do processo seletivo. Atualmente 20 alunos brasileiros frequentam o curso que têm duração de um ano. Esta é a 14ª turma que aproveita a oportunidade de capacitação profissional em uma das mais tradicionais escolas técnicas de mecânica automotiva.

O Toyota Technical College Nagoya tem infraestrutura pra ninguém botar defeito. Amplas instalações para as aulas teóricas e frota de uma centena de veículos para o aprendizado prático. Em um ano de estudos é possível sim aprender a profissão, segundo conta Wallison Barbosa, morador de Chiryu. A turma brasileira está prestes a ter formatura.

Jovens que assim que receberem o diploma como técnicos em mecânica pretendem embarcar de volta ao Brasil para trabalho em concessionárias da marca. “A gente mora aqui no Japão, trabalha em fábrica e sabe que a nossa vida vai ser só aquilo. Vi nesse curso uma saída pra voltar pro Brasil com uma profissão meio encaminhada”, diz o aluno Renato Takashi. “Logo no começo do curso demonstramos um motor, motor de partida, sistema elétrico do carro e várias outras coisas. Eu não sabia nada, entrei no curso e aprendi muita coisa”, conta o colega Flávio Miyashita.

Dos vinte futuros mecânicos, seis são casados e compartilham com a família o sonho de futuro profissional. Alunos como Alex Yamashita, de 25 de idade, pai de três filhos menores e que pretende trabalhar em Cuiabá, no Mato Grosso logo após se formar em agosto. “Valeu a pena porque a gente aqui não estuda somente mecânica. Tem que lidar com a disciplina para estar trabalhando na rede Toyota lá no Brasil. Fora isso tem aulas de japonês, de inglês, são pessoas voluntárias que vem até aqui e nos dão aulas uma vez por semana. Então fora mecânica a gente aprende muita coisa mesmo”, relata.

O coordenador do projeto voltado aos brasileiros explica que o processo seletivo avalia o real interesse dos candidatos. Trata-se de um curso puxado, intensivo. Em um ano os alunos aprendem o conteúdo que normalmente seria ministrado em dois anos. Kenzo Tanaka revela que é positiva a avaliação profissional dos brasileiros até então formados.Tanto que, nos últimos três anos o curso passou a ser ministrado por dois ex-alunos, Valdemar Yamada e Adalberto Missunaga.

O Colégio Técnico da Toyota existe faz 50 anos. Tem hoje matriculados 1200 alunos japoneses. Em 13 anos do curso de mecânica para brasileiros, 261 alunos formaram-se aqui, sendo que 207 deles regressaram ao Brasil. Deste total, 27 deles estão trabalhando nas fábricas da Toyota em São Bernardo, Indaiatuba e Sorocaba. Outros 87 são mecânicos empregados em concessionárias da marca. Ou seja, metade dos que voltaram estão profissionalmente encaminhados.

O programa de treinamento é dividido em três módulos. No primeiro mês de aulas a turma se familiariza com a mecânica de automóveis.

Depois coloca em prática os conceitos como técnico automotivo e estuda serviços frequentes de manutenção do veículo. Na etapa final do curso os alunos aprendem a diagnosticar problemas e estudam novas tecnologias da marca.

“Teoria eles vão estar em um patamar bom, só que vai faltar a parte prática, agilidade, velocidade, mas aí infelizmente é no dia a dia, dentro da concessionária né. Então com o conhecimento que eles adquirem aqui, estarão aptos a começarem a atividade nas concessionárias no Brasil”, diz o instrutor Valdemar Yamada.

A profissão de mecânico tem grande demanda masculina, atrai os rapazes na maioria. Mas isto não é regra. Várias brasileiras já se formaram no Toyota College e são bem vindas as futuras interessadas, segundo diz o coordenador do curso. “Infelizmente este ano não tivemos nenhuma mulher, mas ano passado tivemos cinco meninas na turma de 20 alunos. Nesses 13 anos, 26 meninas já se formaram aqui nesse curso, dentre elas três estão na Toyota do Brasil e duas estão nas concessionárias”, afirma Adalberto Missunaga.

Interessados em participar do processo seletivo devem fazer a inscrição até dia 31 de maio. O exame consiste em uma prova de redação e raciocínio lógico, aplicada dia 15 de junho. Na mesma data os aprovados passam por uma entrevista com analista de recursos humanos da Toyota do Brasil e no final de junho é divulgada a lista dos aprovados.

O valor do curso é de 563 mil ienes pago em duas parcelas. A inscrição para o exame seletivo custa 5 mil ienes. Pela internet no site www.toyota-tcn.ac.jp/brasil os interessados podem obter o formulário de inscrição e mais informações.
Fonte: IPC Digital

Anúncios

Sobre Emprego no Japão

Disponibilizamos vagas de emprego no Japão.
Esse post foi publicado em Colégio Técnico da Toyota e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s